VIETNÃ: Ativista cristão é preso por “espalhar propaganda”

VIETNÃ: Ativista cristão é preso

 

VIETNÃ: Ativista cristão é preso

VIETNÃ: Ativista cristão é preso

Nguyen Van Daí, advogado de direitos humanos e cristão, foi preso pela polícia vietnamita e acusado de “divulgar propaganda” nos termos do artigo 88 do Código Penal. A informação é da agência de notícias Christian Solidarity Worldwide (CSW).

Esta não é a primeira vez que Dai vai para a prisão. Em 2007, ele foi condenado a quatro anos de detenção sob  as mesmas acusações de violação do artigo 88.

Em Hanói, o advogado cristão tem defendido continuamente o direito a mais educação e direitos básicos das pessoas em exercer sua religião.  O Vietnã era considerado um país de preocupação particular para a Comissão dos EUA sobre Liberdade Religiosa Internacional (USCIRF). Por um tempo, esta preocupação foi minimizada, mas após uma reforma das leis desse país comunista, o Vietnã voltou para a lista de países onde os direitos humanos e de liberdade religiosa estão em perigo.

Prova desta preocupação é a atual situação de Daí. No início deste mês, depois de participar de uma conferência onde ele falou com os cidadãos sobre seus direitos, Daí foi severamente agredido pelas próprias autoridades que o levaram para a prisão. A acusação de espalhar propaganda contra as leis do país traz pena muito pesada.

Além do advogado, o pastor Nguyen Trung Ton, um ativista pró-democracia e defensor da liberdade religiosa, foi detido. Não se sabe ao certo o paradeiro desse pastor.

Líderes religiosos e defensores dos direitos humanos demonstram grande preocupação diante dos acontecimentos recentes. “Nós estamos muito preocupados com a detenção do advogado Nguyen Van Dai e do pastor Nguyen Trung Ton. Eles são fundamentais na defesa do direito à liberdade de religião e direitos de cristãos no país.”

Eles ainda afirmam que essas detenções revelam que as melhorias no nível de liberdade religiosa eram apenas aparentes e que os cidadãos não estão livres para exercer seus direitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *